Um tema que não abordo tanto quanto gostaria aqui no blog são livro. Acho que tenho apenas um ou dois posts sobre livros que li. Recentemente mudei de trabalho e agora lido com livros! O amor por livros e por ler tem voltado e a wishlist anda cada vez maior! Além disso tenho descoberto influencers que me têm inspirado cada vez mais nos hábitos de leitura.

Há uns dias perguntei no insta que posts queriam ver por aqui e sugeriram-me livros para ler no verão! Então hoje falo-vos disso! Algumas novidades e outros livros saídos já há mais tempo. É uma lista de títulos que vai agradar um bocadinho a todos e que valem mesmo a pena a oportunidade.

A Arte Subtil de Saber Dizer Que se F*da, Mark Manson

Acho que há pouca gente que não leu ou não conhece este livro.  Chama à atenção essencialmente pelo titulo mas é um livro que vale a pena ler.

A Arte Subtil dá-nos uma perspectiva diferente do que estamos habituados. Fala-nos na importância de aceitar quando as coisas correm mal sem termos de estar sempre à procura do lado positivo de tudo.

O autor é altamente honesto, tem um estilo de escrita muito frontal e um humor muito refinado.

Sem dúvida um livro que vale a pena ler ou até oferecer a alguém!

 

 

 

O Desaparecimento de Stephanie Mailer,  Joël Dicker

Um romance que tem conquistado muitos leitores e que está no topo da minha wishlist.

A história começa em 1994, nos Estados Unidos, quando na noite da abertura do festival de teatro toda a família do presidente é encontrada morta dentro de casa.

A investigação é entregue a dois jovens policias que após conseguirem cercar o assassino e capturá-lo são condecorados por isso. Vinte anos mais tarde, numa noite de festa a jornalista Stephanie Mailer confronta um dos policias revelação inesperada: o assassino não é quem eles pensavam, e a jornalista reclama ter informações-chave para encontrar o verdadeiro culpado.

Stephanie desaparece dias mais tarde e aí começa toda a trama que envolve o leitor em surpresas e reviravoltas.

 

 

 

 

O Homem de Giz, C.J. Tudor

Mais um livro da wishlist.

O Homem de Giz já estava a levantar burburinhos antes de ser lançado! O primeiro livro da autora já está a ganhar fãs e é um sucesso de vendas.

“Tudo aconteceu há trinta anos, e Eddie convenceu-se de que o passado tinha ficado para trás. Até ao dia em que recebeu uma carta que continha apenas duas coisas: um pedaço de giz e o desenho de uma figura em traços rígidos. À medida que a história se vai repetindo, Eddie vai percebendo que o jogo nunca terminou.”

Um thriller que conta a história de um jogo de infância que tomou contornos perigosos.

 

 

 

 

 

A Casa de Verão, Jude Deveraux

Para quem gosta de romances e de leituras mais leves é uma boa aposta.

Conta-nos a história de 3 amigas que estão prestes a 40 fazer anos, todas no mesmo dia. Decidem festejar o aniversário numa casa de verão no Maine sem nunca imaginarem que iam ter a oportunidade de tornarem “o que podia de acontecido” realidade.

Amigas há dezanove anos, as três raparigas recebem um cartão de aniversário que lhes dá a oportunidade de reviver três meses do passado à escolha de cada uma.

 

 

 

 

 

 

Três Irmãs, Três Rainhas, Philippa Gregory

Continuando nos romances apresento-vos agora uma opção de um romance histórico.

Uma narrativa sobre as irmãs de Henrique VIII, Maria e Margarida, e a sua mulher, Catarina de Aragão.

“Unidas através de lealdades familiares e afectos, as três rainhas encontram-se em lados opostos e umas contra as outras. Catarina comanda um exército contra Margarida e mata o marido Jaime IV da Escócia.

Mas o filho de Margarida torna-se herdeiro do trono Tudor quando Catarina perde o filho. Maria rouba o marido proposto à viúva Margarida, mas Maria também fica viúva do seu casamento secreto por amor.”

 

 

 

 

A Livraria, Penelope Fitzgerald

O livro não é recente mas está novamente em altas após o lançamento do filme. É um romance diferente, leve, bom para descomprimir nas férias.

Florence Green mora numa pequena vila costeira, onde decide abrir a primeira livraria da terra.  Ao ficar com um dos edifícios mais antigos da vila, Florence tem que enfrentar não só as más condições do prédio mas todas as pessoas que se opuseram ao negócio.

É um romance que nos mostra o amor pelos livros, o empenho na realização de um sonho e como as relações pessoais afectam a vida.

Vale a pena ler.

 

 

 

 

Chama-me Pelo Teu Nome, André Aciman

O livro que deu origem ao filme que foi candidato aos Óscares.

Um romance arrebatador, dentro da temática lgbt. Conta-nos a história de um rapaz de dezassete anos e o convidado dos pais, um estudante universitário que passará algumas semanas no verão.

Nenhum dos jovens está preparado para as consequências da atração que sentem. “Divididos entre o receio das consequências e o fascínio que não conseguem esconder, avançam e recuam movidos pela curiosidade, o desejo, a obsessão e o medo, até se deixarem levar por uma paixão arrebatadora e descobrirem uma intimidade rara que temem nunca mais encontrar.”

 

 

 

 

Terra Maya, Filipa Maló Franco

Já falei deste livro no instagram e em breve pretendo lançar um post só sobre ele.

O livro da Filipa Maló é, acima de tudo, inspirador. A autora conta-nos a sua experiência na busca por um estilo de vida mais saudável e em paz.

Ao longo de todo o livro temos dicas, trocas de experiências e desabafos sobre o caminho que ela foi traçando até ao seu estilo de vida actual. É um livro muito pessoal, que acaba por nos dar uma experiência muito semelhante à leitura do blog da autora (com o mesmo titulo, Terra Maya).

No final temos ainda dicas de alimentação e receitas saudáveis e saborosas.

Um dos livros que mais gostei nos últimos tempos.

 

Fim de Turno, Stephen King

O último lançamento de um dos meus escritores favoritos.

“Bill Hodges, que agora gere uma agência com a colega Holly Gibney, fica intrigado com a letra Z escrita a marcador na cena de um crime para que são chamados.
À medida que se vão acumulando casos idênticos, Hodges fica espantado ao perceber que as pistas apontam para Brady Hartsfield, o célebre «assassino do Mercedes» que eles ajudaram a condenar. Devia ser impossível: Brady está confinado a um quarto de hospital num estado aparentemente vegetativo.

Mas Brady Hartsfield tem novos poderes letais. E planeia uma vingança, não só contra Hodges e os seus amigos, mas contra a cidade inteira.
O relógio bate de formas inesperadas…”

Um policial que foi caracterizado como «Emocionante, elegante e pungente.» pelo Sunday Mirror.

 

 

 

As Vantagens de ser Invisível, Stephen Chbosky

Um dos meus filmes favoritos. Pela história, pela fotografia e pela banda sonora.

Li o livro em inglês e vale muito a pena.

Charlie tem 15 anos, é tímido, introvertido e ainda sonha com o seu primeiro beijo. Acaba de entrar no décimo ano e já conta os dias que faltam para acabar o secundário.

Mas Charlie não se mantém invisível muito tempo. Acaba por se incluir num grupo que lhe mostra a realidade e a pressão da sociedade. Ao seu redor há sexo, drogas e um suicido que o marca para sempre.

Vamos acompanhando a história de Charlie até sermos confrontados com um segredo de muitos anos que nos dá um soco no estômago.

Vale a pena lerem, acreditem.

 

 

Calvin Esparguete, Filomena Lança

Voltando a um registo mais leve e divertido, quem gosta de histórias com animais vai adorar este livro. Lembra-me um pouco A Minha História com Bob, outro livro com um gato protagonista que vale a pena lerem.

Esta história é narrada na perspectiva de Calvin que nos vai contando as suas aventuras pelas ruas de Lisboa.

 

 

 

 

 

 

 

 

O Tatuador de Auschwitz, Heather Morris

Para finalizar a lista, mais um romance.

A história de Lale Sokolov, que aquando a sua chegada aos campos de concentração de Aschwitz é encarregue de tatuar os prisioneiros marcados para sobreviver. À espera na fila encontra-se Gita. Lale está disposto a lutar não só pela sua vida mas também pela da jovem por quem se apaixonou à primeira vista.

A história foi inspirada nas entrevistas veridicas que a autora fez a Lale Sokolov, ao longo de diversos anos. Uma história de amor e sobrevivência no meio dos horrores dos campos de concentração.

 

 

 

 

Estas são então as minhas sugestões para este Verão. Entre livros que já li e alguns que quero muito ler, trouxe uma selecção que tentei que fosse variada.

Quero que me contem: gostam de ler? Qual o vosso livro favorito? E o último que leram?

Prometo fazer mais posts dentro desta temática se o vosso feedback for positivo!

 

Um Beijo,Raquel

 

Comentários